Valentina, 3 anos - Epilepsia de difícil controle, síndromes epiléticas, autismo, microcefalia, hipotonia e atrasos físico e motor. "Valentina começou com crises convulsivas aos 11 meses de idade, de lá para cá só aumentaram. Tomou fenobarbital, depakene, hidantal, lamotrigina, topiramato entre outros. Há 10 meses iniciou o tratamento com cannabis, no primeiro dia já teve efeito nas crises. Hoje, controlada não pode ficar mais sem o medicamento."
Fernanda Avelar
mãe da Valentina
Pietra, 15 anos - Paralisia cerebral com crises convulsivas e epilepsia refratária de difícil controle. "Pietra nasceu com cardiopatia, assim que nasceu foi encaminhada para UTI Neonatal, onde começou nossa luta. Internada por 30 dias, teve infecções generalizadas, parada cadio-respiratória e outras intercorrências. Aos 7 anos começou com crises, utilizou Vimpat, Keppra, Depakote, Topiramato e outros. Há 2 anos iniciou uso da cannabis, foram 3 meses sem crises, hoje não consigo mais ficar sem."
Vera Marcussi
mãe da Pietra
Kawane, 15 anos - Foi prejudicada por um vírus que eu peguei na minha gravidez chamado citomegalovirus, causou uma má formação no cérebro...prejudicando a parte motora. Síndrome de West e Paralisia Cerebral, aos 9 anos as convulsões vieram... tomou todos os remédios de fármacos sem resultados, sem sucesso, causou secreção no pulmão e deixando ela no estado vegetativo e foi assim por anos. Hoje com 8 meses que começamos com o tratamento com óleo de cannabis, melhorou muito. A secreção no pulmão acabou, qualidade de vida melhorou e as convulsões ainda tem... Chega a ficar de 3 a 4 dias sem crises e agora temos o spray de canabis q é um grande suporte para as horas de crises
Eliane
mãe da Kawane
Marco, 4 anos - 9 meses de investigação, passando por neurologista infantil, psicóloga, fisioterapeuta, endocrinologista pediátrico, psiquiatra infantil, fonoaudiólogo, terapeuta ocupacional, geneticista e otorrinolaringologista foi dado laudo de autismo moderado/severo em março de 2018. Direcionado para terapia ABA, fono e TO. Iniciou a terapêutica cannábica com óleo rico em CBD em abril de 2018, a evolução na fala foi rápida e os transtornos sensoriais controlados, nítida melhora no cognitivo e de comportamento, porém foi somente com o óleo Full Spectrum iniciado alguns meses após o uso do primeiro óleo que vieram os ganhos relacionados ao controle da irritabilidade e agressividade. A seletividade alimentar já não existe, o sono é tranquilo e a fala com função só melhora, consegue lidar com situações frustrantes e excesso de estímulos não geram mais crises, pois ele já é capaz de comunicar e solicitar ajuda. O óleo foi um divisor de águas na vida do Marco e de seus familiares, a qualidade de vida melhora a cada dia. Foi uma revolução no quadro geral do TEA. Hoje com 4 anos e 5 meses Marco consegue frequentar escola, parques de diversão, se alimenta em locais públicos, sabe ir ao banheiro sozinho, faz o próprio mama antes de dormir. Reconhece espécies de animais, números, letras e músicas.
Flávia Bezerra Oliveira
mãe do Marco
Jhonatan, 6 anos - Autista, com o uso do óleo ele teve 90% de melhora, tinha muitas crises nervosas, ansiedade, a crise durava horas, eu não conseguia ficar 2 minutos em um lugar com ele, as vezes que levava ele ao médico ele não se controlava não parava de se bater, gritar, se machucar, o tempo todo que eu ficava no consultório era assim, em casa eram pelo menos 10 crises assim por dia, na escola... ele me mordia, batia com frequência na irmãzinha. E por ter esse comportamento não conseguia se desenvolver em nada na escola. Com o uso óleo, ele tá bem melhor, agora tem uma crise a cada 15 dias, mais ou menos e são bem menos tempo, duram de 10 a 20 minutos no máximo, está conseguindo se desenvolver bem na escola, ta aprendendo bastante, repete as palavras. Faz 4 meses que estou fazendo uso do óleo, mas ja notei diferencia logo no começo.
Hamabelle Zanelle
mãe do Jhonatan
Altina Melo Guimarães - As dores dela melhoraram muito. Ela iniciou sexta a tarde, no sábado de manhã fiz até um vídeo, ela disse que a dor que sentia como nível 10, estava sentindo em nível 2. A postura para andar melhorou em 1 dia! Graças a Deus!!! Mas eu e meus irmãos estamos muito confiantes!!! Queremos agradecer imensamente e temos fé q a Associação Flor da Vida vai conseguir as autorizações necessárias para levar alívio das dores e tratamentos a quem sofre!
Iara Guimarães
filha da Altina
Camilla Olímpio, 36 anos - O óleo da cannabis me deu a vida, organizou meus pensamentos. Eu consegui dormir por 6 horas seguidas. Antes do mesmo não dormia mais que 3 horas em toda vida. Não sou mais impulsiva e isso salvou minha vida. Hoje consigo ficar calma perante situações de stress da vida cotidiana se, reagir de forma impensada. Hoje sou feliz por conseguir me comunicar de forma calma e assertiva. Não preciso ficar reclusa em casa por dias, por estar em crise e ter medo de ser impulsiva até uma crise passar. Não tenho mais enxaquecas debilitantes e vômitos e nem preciso ficar por horas deitada no escuro para passar. Hoje consigo viver feliz e plena com meu filho e meu marido e até consigo fazer amigos, coisa que nunca consegui. Vou ser grata eternamente pela cannabis.
Camilla Olímpio
asperger, TOC e enxaqueca